blogger, cellphone, office-336371.jpg

Pesquisa: 30% não trocam liberdade de escolha entre local de trabalho e home office por outro benefício

Valor Econômico – 22/10/2021 –

Enquanto o trabalho presencial retorna gradualmente, os escritórios enfrentam resistência de parte dos funcionários no Brasil. Segundo pesquisa feita pela consultoria Oliver Wyman, mais de 30% dos profissionais não trocam a liberdade de escolher entre o home office e o presencial por nenhum outro benefício oferecido pela empresa. Folga remunerada, cobertura de saúde e alimentação grátis estavam entre as opções.

Para 32,5% deles, o ideal seria comparecer ao escritório três dias na semana, e para 22%, cinco. Quase 15% gostaria de ir apenas um dia.

A pesquisa foi feita com 4.000 profissionais que trabalhavam em escritórios antes da pandemia no Brasil e em outros três países.

No Reino Unido, metade dos entrevistados não abrem mão de escolher de onde trabalhar. Na sequência, aparecem os Estados Unidos, com 42,6% e a China, com 29,4%.