welder, welding, industry-673559.jpg

Inflação de ‘porta de fábrica’ atinge 1% em junho e 18,78% em 12 meses, diz IBGE

Quinze das 24 atividades acompanhadas pelo Índice de Preços ao Produtor tiveram alta de preços em junho.

Por Valor Online

A chamada inflação de “porta de fábrica”, sem impostos e fretes, teve alta de 1% em junho, frente a maio, segundo o Índice de Preços ao Produtor (IPP), calculado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Em maio, os preços tinham subido 1,81% frente ao mês anterior (dado revisado após divulgação inicial de 1,83%).

O resultado acumulado do ano atingiu 10,12% enquanto aquele acumulado nos 12 meses até junho atingiu 18,78%.

Quinze das 24 atividades acompanhadas pelo IPP tiveram alta de preços em junho. O IPP da indústria é formado por dois índices: o da indústria de transformação e o da indústria extrativa.

A taxa na indústria de transformação ficou em 1,24% em junho, ante 1,21% em maio (dado revisado de 1,24%). Já o IPP da indústria extrativa teve queda de 2,89% em junho, após alta de 12,50% em maio.

https://g1.globo.com/economia/noticia/2022/07/28/inflacao-de-porta-de-fabrica-atinge-1percent-em-junho-e-1878percent-em-12-meses-diz-ibge.ghtml