• Pontaria Novo Governo
  • BOLETOS ON-LINE
  • coffee news mudou para melhor
  • sindeprestem 2018
  • CONTRIBUIÇÃO PATRONAL 2018

31/10/2019 | Tarefas mudarão constantemente - O Globo

Não se pode pensar mais que uma pessoa no mundo globalizado termine seus estudos, ingresse no mercado e fique nesse emprego para o resto de sua vida. Ou ainda, que terá as mesmas funções até se aposentar. A afirmação foi feita por Priscilla Fialho, economista da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE), durante o Seminário Pelo Futuro do Trabalho, em que fez uma análise de como será a nova realidade das relações de trabalho no Brasil e no mundo.

Com as mudanças em curso e o uso cada vez maior da tecnologia, o principal desafio que o Brasil terá de enfrentar é a baixa qualificação dos trabalhadores, segundo a representante da OCDE. Outro ponto a ser superado é a resistência dos trabalhadores em aceitar que eles terão de voltar a estudar, qualificar-se e vencer o medo das mudanças.

— O Brasil investe muito em educação, comparado a outros países, mas esses investimentos não são feitos da melhor maneira. Ainda se investe muito na formação universitária e talvez o que se precise é de mais formação técnica, a fim de qualificar mão de obra para lidar com máquinas, eletrônica e robôs — explicou Priscilla.

Ela afirmou que o futuro do emprego estará justamente nas habilidades técnicas aliadas a novas competências, como trabalho em equipe e capacidade de tomar decisões. Além disso, frisou, nem tudo será negativo, já que novas profissões — e vagas de emprego — vão surgir com o avanço da Indústria 4.0.

Fatos e Notícias

Home Logo01
Home Logo02
Home Logo03
Home Logo04
Catho
Up Plan Logo 02